16.02.10

Pois que agarro eu no jornal o metro muito calmamente e deparo-me com a crónica de um dos meus escritores preferidos portugueses. O tema como não poderia deixasr de ser era o Amor e o dia dos namorados.

Como gosto de partilhar aquilo que gosto, vou transcrever a crónica:

 

"O PODER DO AMOR
Querido Metro, então tem algum jeito o Dia dos Namorados calhar a um domingo? Claro que isso tinha de se reflectir na economia. Mas nada de desânimos. O amor é a coisa mais linda que há no mundo. Eis 10 razões para acreditarmos no poder do amor:
1. O amor é um sentimento positivo que promove a paz no cosmos, ao contrário do futebol que só causa stress.
2. As canções de amor, mesmo quando esganiçadas no "Ídolos", são geralmente melhores que as de ódio. E que as de apatia.
3. É certo que todas as cartas de amor são ridículas. Mas ainda mais ridículo é não as escrever. O amor vence sempre.
4. Fazer amor emagrece. É como ir a um ginásio, com a vantagem de não ser preciso apanhar pé de atleta ou um "personal trainer". O amor vence sempre. 
 5. É verdade que os desgostos de amor engordam, eu sou a triste prova disso. Por outro lado, não há melhor desculpa para nos empaturrarmos de chocolates. Ou, melhor ainda, afogar em álcool.
6. Ninguém dá por nada se plagiarmos um aforismo de amor, como fiz no ponto 3, desde que citemos autores conhecidos só de nome, tipo Fernando Pessoa. O amor vence sempre.
7. O amor cega. Temporariamente, é um facto, mas enquanto a outra pessoa não nos descobre os defeitos, lá vamos cantando e rindo. O amor é o maior.
8. Quando correspondido, o amor é a coisa mais linda so mundo. Quando não é correspondido também está bem, é de maneira que não temos de mentir em casa.
9. O amor quebra barreiras. Estudos científicos provam que um assaltante enamorado é 3,6% mais eficaz no exercício da sua profissão que um colega armado apenas de uma caneta de administrador.
10. E o mesmo que a  nossa cara-metade nos engane ou peça o divórcio, cadê o problema? Você perde, mas o amor continua, só que agora já não é por si.
Amor um, Vôce zero. O amor vence sempre." 

                                             Crónica retirada do Jornal O Metro, dia 8/ 02/ 09, escrita por Rui Zink

 

Com a correria de preparar as coisas para o Carnaval deixei a semana passar até conseguir passar para aqui a crónica. Ainda não festejei o dia dos namorados decentemente, mas ainda não houve tempo.

sinto-me: Pensativa
Desabafado por Guitinha às 22:49
|  O que é?

Mais sobre a Gaja
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28


Desabafos Arquivados
pesquisar
 
Malta que anda a cuscar a Gaja